saneamento basico

Sistema de Gerenciamento de Resíduos Será Lançado na Semana que Vem

Catanduva será a segunda cidade do Estado na implantação

O Sistema Estadual de Gerenciamento Online de Resíduos Sólidos (SIGOR) deve ser lançado na semana que vem em Catanduva. A cidade deve ser a segunda do Estado de São Paulo a implantar o sistema. São José do Rio Preto será a primeira. O lançamento está marcado para o dia 11 de março as 8h30 em um evento que acontecerá no prédio da Biblioteca Municipal.

Segundo informações da Secretaria de Meio Ambiente de Catanduva, o Sistema, no módulo da construção civil, tem como objetivo gerenciar as informações referentes ao fluxo de resíduos no Estado de São Paulo, da sua geração à destinação final, passando pelo transporte. A ideia é fazer com que os resíduos sejam destinados à reciclagem, eliminando os descartes ilegais e contribuindo para a não poluição do meio ambiente.

A utilização correta assegura que os resíduos gerados em obras, tanto público, quanto privados sejam transportados por empresas legalizadas e destinados a locais devidamente licenciados, permitindo, assim, que os resíduos tenham um destino ambientalmente adequado.

A implantação deveria ter sido iniciada em janeiro deste ano, mas, de acordo com informações da própria pasta, a ação dependeria da agenda da Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo.

“O Módulo Construção Civil é resultado do convênio firmado entre o Estado de São Paulo, por meio da Secretaria do Meio Ambiente, da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB) e do Sindicato da Construção Civil do Estado de São Paulo – SindusConSP para a conjugação de esforços visando à consolidação do desenvolvimento sustentável no setor da construção civil no Estado de São Paulo”, informa a Secretaria de Meio Ambiente de Catanduva.

O SIGOR foi instituído pelo Decreto Estadual nº 60.520, em 05 de junho de 2014. O Módulo Construção Civil compreende os resíduos provenientes das atividades da construção civil de acordo com a Resolução CONAMA nº 307/2002 e suas alterações e outros resíduos comumente gerados nos canteiros de obras.

“Foram escolhidos cinco municípios para serem pilotos do sistema que está em fase de aperfeiçoamento, sendo Catanduva o segundo município a fazer um evento para abrir o cadastro para os usuários (geradores, transportadores e área de destino), a partir disso terão um prazo para se cadastrar. A Secretaria de Meio Ambiente e Agricultura dará um prazo de 20 dias para o cadastramento. A partir desse prazo a Cetesb retornará ao município para dar o treinamento aos usuários para que o sistema entre em operação”, informa o setor.

Devem estar presentes no lançamento a Secretária de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, Dra. Patrícia Iglecias, o Presidente da CETESB, Eng. Otavio Okano, o vice- Presidente da CETESB, Dr. Nelson Bugalho e demais representantes dos setores envolvidos. A Biblioteca Municipal fica localizada na avenida São Domingos n°880 Centro.

Fonte: O Regional
Foto: Divulgação

Últimas Notícias:

#Comprometimento e Responsabilidade Técnica

Desde o início da criação da Comissão CE.010:105.007 – Comissão de Estudos de Produtos Químicos para Saneamento Básico, Água e Esgoto da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), em março de 2004, atuo como profissional voluntário e imparcial em prol da sociedade brasileira. Esta Comissão faz parte do CB-10, Comitê Brasileiro de Química da ABNT.

Leia mais »
Cagece Rede Esgoto Chuvas

Cagece orienta sobre cuidados com a rede de esgoto durante período chuvoso

Com o início quadra chuvosa em todo o Ceará, os cuidados com as redes de esgoto e de drenagem precisam ser redobrados, e para evitar obstruções, extravasamentos e alagamentos, a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) orienta que a população faça o uso correto dos dois sistemas. Dentre as principais orientações: não destinar água de chuva e lixo para a rede de esgoto da Cagece.

Leia mais »
Concessão Saneamento Itaú de Minas

Concessão do saneamento de Itaú de Minas já tem interessadas

Pelo menos duas empresas de saneamento do setor privado manifestaram interesse na concessão do serviço em Itaú de Minas, no Sul do Estado, durante a etapa de consulta pública, concluída em 21 de janeiro deste ano. As empresas são a Cristalina Saneamento e a Orbis Ambiental, que também disputou a licitação do serviço em Alpinópolis, cidade da mesma região e de tamanho similar a Itaú.

Leia mais »