saneamento basico
Plano de Segurança Hídrica Belo Horizonte

Plano de Segurança Hídrica da Região Metropolitana de Belo Horizonte tem mapas com as áreas prioritárias finalizados

Plano de Segurança Hídrica Belo Horizonte

O Governo de Minas Gerais, por meio da (Agência RMBH) e o (IGAM), aprovou as áreas prioritárias para segurança hídrica da região metropolitana.

Webinário preparatório e 3ª oficina de participação social no plano serão realizados virtualmente em Setembro

Mas essas áreas foram definidas em função dos eixos de atuação previstos para o PSH-RMBH, que consideraram as quatro dimensões de segurança hídrica. São elas:

  • 1) Conservação e restauração da biodiversidade e dos serviços ecossistêmicos relacionadas à água;
  • 2) Produção sustentável e uso racional dos recursos hídricos;
  • 3) Garantia do acesso à água em quantidade e qualidade (saneamento, controle da poluição e obras hídricas);
  • 4) Resiliência a eventos extremos, como secas e inundações.

A metodologia utilizada para o mapeamento das áreas prioritárias, dentro de cada temática ou dimensão de segurança hídrica, foi baseada em análise multicritério aplicada em um (SIG), que tem como característica principal a existência de múltiplos critérios envolvidos para o alcance dos objetivos pretendidos.

Dessa forma, para cada temática, foram considerados critérios de localização e criticidade.

Então os critérios de localização tiveram como objetivo identificar as áreas de maior interesse para a temática e os critérios de criticidade tiveram como objetivo identificar as áreas mais críticas relacionadas com a temática e com a segurança hídrica.

Portanto ao final, os mapas de localização e criticidade foram cruzados, resultando na identificação das áreas prioritárias para cada temática ou eixos de atuação do PSH-RMBH.

Os mapas com as áreas prioritárias para segurança hídrica, bem como os múltiplos critérios utilizados para a sua elaboração podem ser visualizados no relatório RF008.

É importante destacar que as áreas prioritárias estabelecidas servirão de base para a atuação do PSH-RMBH e serão consideradas no Plano de Ação.

Além da atuação do PSH-RMBH nos quatro eixos previstos, existem condicionantes externas a serem consideradas, entre elas, a boa governança e a necessidade de recursos financeiros para a execução do Plano, assuntos esses que serão tratados no mesmo relatório.

3ª Oficina do Plano de Segurança Hídrica será realizada em Setembro

Em continuidade ao processo de participação social ampliada na construção do PSH-RMBH, será realizado um webinário preparatório à terceira Oficina do PSH-RMBH.

O evento será realizado no dia 13/9, às 14 horas, com transmissão pelo canal oficial da Agência RMBH no YouTube.

E, no dia 20/9, às 14 horas, também em formato virtual, será realizada a terceira Oficina do Plano de Segurança Hídrica da RMBH.

Sobre o PSH-RMBH

Portanto a elaboração do PSH teve início em março de 2022 com a entrega do plano de trabalho que aborda os objetivos específicos da construção.

O contrato prevê a entrega de seis produtos, entre estudos e levantamentos, mapeamento de áreas prioritárias, um banco de projetos e um plano de mobilização, comunicação e educação ambiental que vão resultar no Plano de Segurança Hídrica da RMBH.

Ademais a Profill Engenharia e Ambiente S/A venceu o processo licitatório para elaboração do plano.

Então o contrato, com vigência de 18 meses e valor de R$ 1.202.605,90, será pago via formalização dos acordos de recuperação judicial.

Em conclusão o Plano Segurança Hídrica da Região Metropolitana de Belo Horizonte é financiado com recursos do Acordo de Reparação ao rompimento da Vale, em Brumadinho, que tirou a vida de 272 pessoas e provocou uma série de danos ambientais, econômicos e sociais.

Fonte: Agência BH.

Últimas Notícias:

#Comprometimento e Responsabilidade Técnica

Desde o início da criação da Comissão CE.010:105.007 – Comissão de Estudos de Produtos Químicos para Saneamento Básico, Água e Esgoto da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), em março de 2004, atuo como profissional voluntário e imparcial em prol da sociedade brasileira. Esta Comissão faz parte do CB-10, Comitê Brasileiro de Química da ABNT.

Leia mais »
Cagece Rede Esgoto Chuvas

Cagece orienta sobre cuidados com a rede de esgoto durante período chuvoso

Com o início quadra chuvosa em todo o Ceará, os cuidados com as redes de esgoto e de drenagem precisam ser redobrados, e para evitar obstruções, extravasamentos e alagamentos, a Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) orienta que a população faça o uso correto dos dois sistemas. Dentre as principais orientações: não destinar água de chuva e lixo para a rede de esgoto da Cagece.

Leia mais »
Concessão Saneamento Itaú de Minas

Concessão do saneamento de Itaú de Minas já tem interessadas

Pelo menos duas empresas de saneamento do setor privado manifestaram interesse na concessão do serviço em Itaú de Minas, no Sul do Estado, durante a etapa de consulta pública, concluída em 21 de janeiro deste ano. As empresas são a Cristalina Saneamento e a Orbis Ambiental, que também disputou a licitação do serviço em Alpinópolis, cidade da mesma região e de tamanho similar a Itaú.

Leia mais »