saneamento basico
Seca em Sergipe

Em Nova Iorque, ANA participa do Congresso do Conselho de Pesquisa e Tecnologia em Recuperação de Energia

Imagem Ilustrativa

Os diretores da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) Vitor Saback e Filipe Sampaio participaram do Congresso Bianual do Conselho de Pesquisa e Tecnologia em Recuperação de Energia (Waste-to-Energy Research and Technology Council (WtERT) Biennial   Conference, em inglês), realizado em Nova Iorque, Estados Unidos, nos dias 13 e 14 de outubro.

O Congresso reuniu especialistas de mais de 20 países para discutir a perspectiva global sobre as melhores práticas de gestão de resíduos.

Foram abordados temas como: tecnologias de conversão térmica, operações, recuperação de metais, melhorias, novos projetos, atualização e uso residual, além de soluções sustentáveis para a gestão de resíduos.


LEIA TAMBÉM: Por que Brasil não vai conseguir eliminar os lixões até 2024

Para o diretor Vitor Saback, “foi importante perceber que o Brasil e o mundo estão antenados e avançando na pauta de recuperação energética de resíduos”.

Filipe Sampaio acredita que as impressões coletadas no evento vão fomentar a discussão sobre a recuperação energética de resíduos, resolvendo simultaneamente dois grandes problemas atuais do Brasil e do mundo: a destinação dos resíduos sólidos e a geração de energia limpa.

A ANA participou do evento a convite da Associação Brasileira de Recuperação Energética de Resíduos (ABREN), juntamente com representantes da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

Fonte: GOV.

Últimas Notícias:
Projetos IoT Áreas Remotas

Desafios de Conectividade em Projetos de IoT em Áreas Remotas

No mundo da Internet das Coisas (IoT), a conectividade é a espinha dorsal que permite a comunicação entre dispositivos e a coleta de dados em tempo real. Entretanto, em áreas remotas, onde a infraestrutura de rede de dados é escassa ou inexistente, estabelecer uma conexão confiável pode ser um desafio significativo.

Leia mais »