saneamento basico

Guia de Compras

Poços de Petróleo Onshore

Poços de Petróleo Onshore

A perfuração em um poço Onshore é realizado através de uma sonda terrestre.

Faça sua Cotação Agora

Descrição Completa

Perfuração dos poços de Petróleo Onshore mais profundo da América Latina com 1650m de profundidade.

Poços de Petróleo Onshore

A perfuração em um poço Onshore é realizado através de uma sonda terrestre. As rochas são degradadas pelo movimento rotativo de uma broca que existe na extremidade de uma coluna de perfuração. Em um poço Onshore o petróleo é encontrado por cima da água salgada e por baixo do gás de alta pressão.

Com isso, quando perfuramos o poço, o petróleo pode emergir facilmente até a superfície por causa da pressão do gás. Mas a pressão do poço pode cair, e quando cai, é necessário utilizarmos de equipamentos que bombardeiam o petróleo para a superfície, como por exemplo, a UBM, a unidade de bombeio mecânico (famoso Cavalo-de-Pau).

A Engeper acredita nos princípios de sustentabilidade e estamos em constante evolução no entendimento e aplicação dos conceitos em busca da concepção de um negócio regenerativo. Ajudando a potencializar os resultados e reduzir os impactos ambientais do seu negócio. Com equipes com mais de 40 anos de know-how em projetos de alta complexidade.

Vídeos, Artigos e Notícias - Mais Recentes
Estabelece os teores máximos de metais que os resíduos utilizados no preparo de combustível derivado de resíduos perigosos poderão conter.
O estado de São Paulo atingiu a meta do Novo Marco Legal do Saneamento Básico de 90% da população coberta com coleta de esgoto, apresentando 90,54% de cobertura. A marca só perde para o Distrito Federal, que tem 92,30% de coleta.
O crescente número do consumo mundial de materiais plásticos, e consequente crescente geração de resíduos, tem aumentado o foco na evolução da economia circular e da gestão sustentável de resíduos.
Uma das iniciativas recém-anunciadas é a produção de tapetes automotivos pela Borkar a partir de retalhos de PVC descartados na fabricação dos bancos dos carros.
O tratamento de efluente industrial proveniente de processos específicos consiste em tratá-lo de modo a adequá-lo às normas e regulamentações vigentes para despejo no corpo receptor (rios) e/ou recuperá-lo de forma usá-lo como água de reúso para diversos fins.
Ademais, esse tipo de atividade gera efluentes com elevadas cargas orgânicas, o que pode comprometer o desempenho operacional de estações de tratamento anaeróbio, como é o caso de reatores UASB.