saneamento basico

Guia de Compras

Bomba de Fusos NOTOS® 2NSH Higiênica

Bomba de Fusos NOTOS® 2NSH Higiênica

A bomba de 2 fusos é fabricada em aço inoxidável AISI 316L e polida conforme normas internacionais (3A e EHEDG) , tornando-se fácil de limpar (CIP), podendo até ser esterilizada (SIP).

Faça sua Cotação Agora

Descrição Completa

Projetada para otimizar a transferência em altas pressões de trabalho (até 160 mca – 16 bar) de produtos com maior viscosidade, como chocolates, frutas, iogurtes, e bombeá-los sem perda de qualidade, integridade e propriedades naturais, a solução agrega mais praticidade, eficiência e tecnologia ao processo.

A bomba de 2 fusos é fabricada em aço inoxidável AISI 316L e polida conforme normas internacionais (3A e EHEDG) , tornando-se fácil de limpar (CIP), podendo até ser esterilizada (SIP). Como não há contato entre as partes rotativas, a velocidade da bomba pode ser aumentada, viabilizando a realização da limpeza, sem necessidade de um sistema auxiliar.

Vídeos, Artigos e Notícias - Mais Recentes
O Instituto de Saneamento Básico do Piauí (ISBPI) anunciou um importante passo na gestão de resíduos sólidos. Em entrevista ao Jornal O Dia, o Diretor-Geral da entidade, Magno Pires, informou que será realizada a instalação de uma usina biomecânica no estado.
A BIOSIS SANEAMENTO AMBIENTAL, empresa especializada em tratamento de água e efluentes, engenharia e consultoria ambiental, confirmou sua participação na FENASUCRO E AGROCANA 2024, um dos principais eventos do setor sucroenergético do país.
Os resultados mostraram o surgimento de uma solução sólida de ferrita do tipo espinélio [Fe3+]{Fe(1-y)3+, Fe(1-x)2+, Ni(x)2+, Cr(y)3+}O4 (em que [] = sítio de coordenação tetraédrica e {} = sítio de coordenação octaédrica), na amostra LG1200, pela decomposição do sulfato.
Em pronunciamento na segunda-feira, 22, na reunião ministerial de Desenvolvimento do G20, no Rio de Janeiro, o ministro das Cidades, Jader Filho, alertou que essa é uma “longa batalha” que “exigirá muito de todos nós” e que não pode mais ser postergada.
Foram conhecidas na manhã da segunda-feira, dia 22, as propostas das empresas interessadas em controlar o sistema de abastecimento de água e tratamento e coleta de esgoto de Concórdia.
A presidente do Trata Brasil Luana Pretto observa que muitas regiões não estão adotando um modelo adequado de gestão para garantir o acesso da população aos serviços de saneamento básico.