saneamento basico

Guia de Compras

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA MODULAR (inox e carbono)

Estação de Tratamento de Água Modular (Inox e Carbono)

O tratamento de água engloba diferentes processos físico-químicos que objetivam elevar a qualidade da água para atendimento à padrões de abastecimento público (consumo humano) ou aos necessários para uso industrial.

Faça sua Cotação Agora

Descrição Completa

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA MODULAR

Primeiramente o tratamento de água engloba diferentes processos físico-químicos que objetivam elevar a qualidade da água para atendimento à padrões de abastecimento público (consumo humano) ou aos necessários para uso industrial.

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA MODULAR (inox e carbono) 1

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA MODULAR (inox e carbono) 2

Em suma, as Estações de Tratamento de Água Gratt são de fácil operação e manutenção tornando-se atrativas e com elevado custo benefício. Os materiais empregados possuem alto desempenho e elevada resistência química a corrosão causada pelos produtos químicos utilizados no tratamento de água, trazendo segurança ao consumidor final.

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA MODULAR (inox e carbono) 4

CONHEÇA MAIS SOLUÇÕES DA GRATT

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA MODULAR

São projetadas e fornecidas de acordo com as exigências de cada cliente. Os materiais empregados na fabricação são o aço carbono, o aço inoxidável e o PRFV (poliéster reforçado por fibra de vidro). A modulação da vazão ocorre a partir de 5 L/s, sendo que não limite máximo de vazão e com a facilidade de incremento conforme necessidade do cliente.

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA MODULAR (inox e carbono) 5

ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA MODULAR (inox e carbono) 8

Portanto as estações de tratamento de água em aço inoxidável apresentam vantagens associadas ao material empregado na fabricação que lhe confere elevada durabilidade, excelente resistência à corrosão, reduzida manutenção mecânica e modulação conforme necessidade do cliente. Assim sendo, ainda, permite o tratamento da água bruta com diferentes características biológicas e físico-químicas.

Vídeos, Artigos e Notícias - Mais Recentes
A presidente do Trata Brasil Luana Pretto observa que muitas regiões não estão adotando um modelo adequado de gestão para garantir o acesso da população aos serviços de saneamento básico.
Os números estão no estudo “Avanços do Novo Marco Legal do Saneamento Básico no Brasil – 2024” publicado pelo instituto “Trata Brasil”.
Segundo Veronica, a agência prevê que, com o ritmo atual das concessões, 99% das pessoas abrangidas por esses contratos contarão com abastecimento de água e 90%, com coleta e tratamento do esgoto sanitário até 2033.
Mais que projetos, a Agência Estadual de Regulação (AGEMS) tem concretizado realizações com o protagonismo regulatório e o apoio a instituições e municípios na promoção do saneamento inclusivo.
Estabelece os teores máximos de metais que os resíduos utilizados no preparo de combustível derivado de resíduos perigosos poderão conter.
O estado de São Paulo atingiu a meta do Novo Marco Legal do Saneamento Básico de 90% da população coberta com coleta de esgoto, apresentando 90,54% de cobertura. A marca só perde para o Distrito Federal, que tem 92,30% de coleta.