saneamento basico

BNDES fecha parceria com novo banco dos Brics

BRASÍLIA – O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou nesta quinta-feira que assinou acordo para cooperação com o Novo Banco de Desenvolvimento (NBD), dos Brics, juntamente com as instituições de fomento de Rússia, Índia, China e África do Sul.

Com a investida, os bancos de desenvolvimento dos países que fazem parte do grupo Brics se dispõem a explorar possibilidades de cooperação na mobilização de recursos para financiamento, cofinanciamento e estruturação de garantias em projetos de infraestrutura e de desenvolvimento sustentável, disse o BNDES em comunicado.

Dentre as possibilidades a serem adotadas estão empréstimos, emissões de títulos, estruturação de fundos de investimento e criação de programas para apoio financeiro por meio de “project finance”, em que a garantia é dada pelo próprio projeto.

O documento foi assinado na cidade russa de Ufá, durante a 7ª reunião de cúpula dos Brics. Segundo o BNDES, o acordo “abre caminho para que potências emergentes estreitem relações econômicas em projetos de interesse mútuo dentro e fora dos países do bloco”.

A criação do NBD, o banco de desenvolvimento dos países que compõem o grupo, já havia sido formalizada na cúpula das potências emergentes do ano passado, realizada em Fortaleza. Os projetos de interesse comum não ficam circunscritos aos países dos Brics, podendo também envolver outros países emergentes e em desenvolvimento.

Eventuais iniciativas de cooperação precisarão ter conformidade com os regulamentos específicos de cada instituição financeira signatária, entre as quais também estão o Banco para o Desenvolvimento e Assuntos Econômicos Estrangeiros (Vnesheconombank) da Rússia, o Export-Import Bank da Índia, o Banco de Desenvolvimento da China (CDB, na sigla em inglês), e o Banco de Desenvolvimento da África Austral (DBSA, na sigla em inglês) da África do Sul.

Fonte: http://exame.abril.com.br/economia/noticias/bndes-fecha-parceria-com-novo-banco-dos-brics-2

Últimas Notícias:
Risco Ambiental Fármacos Esgoto

Avaliação de risco ambiental de fármacos e desreguladores endócrinos presentes no esgoto sanitário brasileiro

Este estudo investigou a ocorrência, remoção e impacto na biota aquática de 19 contaminantes de preocupação emergente (CEC) comumente reportados no esgoto brasileiro bruto e/ou tratado. Para 14 CEC (E1, E2, EE2, GEN, DCF, PCT, BPA, IBU, NPX, CAF, TMP, SMX, CIP, LEV), sua presença em esgoto tratado apresentou um alto risco ambiental em pelo menos 2 dos 6 cenários de diluição considerados.

Leia mais »
greenTalks Sustentabilidade de Embalagens

greenTalks entrevista Bruno Pereira, CEO da Ecopopuli, sobre sustentabilidade de embalagens

O segundo episódio da temporada 2024 do videocast greenTalks – uma iniciativa pioneira entre a green4T e NEO MONDO para discutir o papel fundamental da tecnologia na promoção de um futuro mais sustentável – tem como entrevistado especial Bruno Pereira, Especialista em Sustentabilidade Positiva, Líder do Comitê de Sustentabilidade da Associação Brasileira de Embalagem (ABRE) e CEO da Ecopopuli.

Leia mais »
Gestão Resíduos Sólidos Urbanos

Estudo aponta caminhos para a gestão de resíduos sólidos urbanos

Apenas a cidade de São Paulo produz cerca de 20 mil toneladas de resíduos sólidos urbanos (RSU) todos os dias, sendo 12 mil domiciliares e 8 mil da limpeza urbana, decorrentes de atividades de varrição, recolhimento de restos de feiras, podas e capinas. Considerando somente as 12 mil toneladas produzidas nas residências, isso dá uma média de aproximadamente 1 quilo de lixo por habitante ao dia.

Leia mais »