saneamento basico
LOGO: YII- The Year in Infrastructure and Going Digital Awards. Bentley Logo. AEGEA Logo

YII- The Year in Infrastructure and Going Digital Awards: AEGEA apresenta seu projeto finalista em evento da Bentley

The Year in Infrastructure and Going Digital Awards: AEGEA é finalista em concurso promovido por Bentley

Empresa brasileira de saneamento AEGEA apresenta, no evento YII- The Year in Infrastructure and Going Digital Awards, projeto finalista de realidade virtual que fornece dados de ativos em tempo real

“Mais água na sua vida, mais vida na sua água”

Esse foi o slogan utilizado pela AEGEA, empresa brasileira de saneamento, para apresentar seu projeto finalista no YII- The Year in Infrastructure and Going Digital Awards, evento anual promovido pela Bentley, cuja versão 2022 foi realizada em Londres. Não é a primeira vez que a AEGEA é finalista neste concurso, pois já está focada no processo going digital há mais de 5 anos.

FOTO: Wagner Carvalho e Waldo Bitencourt


LEIA TAMBÉM: BENTLEY APLICA PRÁTICA DO BIM, DIGITAL TWINS E VIRTUAL REALITY EM PLANTAS DA AEGEA

 

O projeto finalista deste ano concorreu na categoria Surveying and Monitoring, e apresentou o case do Rio de Janeiro, dentro do programa Infra Inteligente, que tem como objetivo identificar e verificar todas as instalações e equipamentos de saneamento da AEGEA por meio da criação de um mapa digital 3D de suas estruturas localizadas em 178 municípios de 13 estados brasileiros. Como parte desse programa de digitalização, a AEGEA implementou seu maior projeto de inventário de ativos em 27 municípios do Rio de Janeiro, exigindo a captura e integração de mais de 29.000 ativos físicos, 1.317 plantas industriais e 211.000 vistorias.

Para permitir que 70 especialistas de várias disciplinas de engenharia concluíssem o projeto, a AEGEA precisava de BIM integrado e tecnologia de modelagem de realidade, que foi desenvolvido pelos engenheiros Wagner Carvalho, Waldo Bitencourt e Joabe Araújo, todos presentes na cerimônia.

 

Foto 1- esq. p/ dir: Joabe Araújo, Alexandre Lopes, Waldo Bitencourt, Wagner Carvalho. / Foto 2- esq. p/ dir.: Wagner Carvalho, Alexandre Lopes, Joabe Araújo, Waldo Bitencourt.

O Projeto Infra Inteligente

Aproveitando os aplicativos de modelagem aberta do ContextCapture e da Bentley, a AEGEA processou um total de 156.000 fotos capturadas por drones para gerar uma malha de realidade virtual e um gêmeo digital. A criação de um ambiente de realidade virtual fornece informações em tempo real sobre ativos e plantas para monitorar a integridade e a operação do equipamento, permitindo o gerenciamento digital do ciclo de vida dos ativos de saneamento, otimizando o desempenho, a disponibilidade do serviço e a confiabilidade. A solução digital 3D garante mitigação de riscos e eficiência operacional e facilita a modernização da rede de saneamento da AEGEA.

O projeto Infra Inteligente iniciou-se 5 anos atrás, com o desenvolvimento interno de processos e de vários pilotos para determinar qual a tecnologia se encaixava melhor nos processos. O processo de decisão da tecnologia a ser usada levou em consideração o legado de tecnologias que já existiam na AEGEA para gestão dos ativos, objetivando integrar todas as áreas de empresa e agrupar os dados espaciais, GIS, gráficos existentes e novos, e posicionar tudo no mundo geoespacial e mundo 3D/ BIM.

 


LEIA TAMBÉM: CONCESSÃO DA AEGEA ALCANÇA A MARCA DE MAIS 5 MIL INTERVENÇÕES/DIA NO RIO DE JANEIRO

Desafios de Implementação do Projeto Infra Inteligente

O maior gargalo encontrado pela equipe na implementação inicial do projeto foi a quebra de paradigma do novo, do desconhecido, e convencimento do alto escalão da empresa. Este é um projeto de investimento elevado que demora um certo tempo para mostrar seus resultados, mas que na visão da equipe envolvida, é hoje em dia crucial para o desenvolvimento de projetos de infraestrutura.

Particularmente sobre a universalização do saneamento no Brasil, a equipe da AEGEA considera que este desafio somente será atingido em 2033 com a utilização de ferramentas de tecnologia digital 3D, seja pelos operadores públicos como pelos privados. Isto deverá ser uma demanda natural dos reguladores do setor, que já reconhecem o impacto positivo na gestão dos dados e dos ativos de uma operação de infraestrutura de saneamento.

Treinamento e Capacitação

Outro ponto levantado pela equipe como sendo relevante para este processo de digitalização, é o treinamento dos envolvidos na operação. Os 11 mil colaboradores da AEGEA, seja no campo ou ligados a sistemas que interagem, precisam estar registrando o que estão fazendo para que a base de dados fique atualizada. Isso envolve muito treinamento operativo e de toda a equipe.

Fonte: Equipe Portal Saneamento Básico

Últimas Notícias:
Tratamento de Efluentes Gratt

Como o Correto Tratamento de Efluentes pode impactar a Natureza?

Como o correto tratamento de Efluentes Sanitários impacta na natureza e na sociedade como um todo? Você sabia que o tratamento adequado de efluentes sanitários tem um papel crucial na preservação da natureza? Quando o esgoto não recebe o tratamento necessário, ele acaba sendo despejado diretamente em rios, lagos e oceanos, causando sérios danos ao meio ambiente.

Leia mais »
Saneamento Básico Escolas Creches

Senado quer prioridade em saneamento básico nas escolas e creches públicas

Nesta terça-feira (20/2), a Comissão de Infraestrutura (CI) do Senado Federal votará o Projeto de Lei (PL) 2.298/2021 que assegura prioridade de acesso ao saneamento básico para escolas e creches públicas. De autoria do senador Wellington Fagundes (PL-MT), o projeto busca modificar as diretrizes nacionais para o saneamento básico, garantindo que instituições de ensino tenham acesso à água potável, esgotamento sanitário e coleta de resíduos.

Leia mais »
Linedata Gestão de Ativos Saneamento

Maximizando a eficiência no saneamento: A Importância na Formação de Dados e Gestão dos Ativos de Rede

No mundo contemporâneo, a eficiência no saneamento é um fator crítico para o desenvolvimento sustentável e a saúde pública. A LINEDATA, reconhecendo essa necessidade, enfatiza a importância de uma gestão eficaz dos dados e dos ativos de rede no setor de saneamento. Esta abordagem é fundamental para acelerar a coleta e análise de informações, resultando em decisões mais rápidas, redução de perdas de água e otimização dos resultados operacionais.

Leia mais »
Sabesp Regulação Privatização

Sabesp: os avanços (e os poréns) da regulação pós-privatização

Um dos passos mais relevantes para o processo de privatização da Sabesp, o novo modelo regulatório para a companhia, colocado em consulta pública hoje pelo governo o Estado, veio em linha com as (altas) expectativas do mercado – e deve dar um impulso para que as ações ganhem fôlego na oferta que deve marcar a diluição da participação estatal, prevista para junho. 

Leia mais »
Problemas Saneamento Básico

Alarmante: quase metade das moradias no Brasil possuem problemas de saneamento básico

Saneamento básico, que engloba o acesso a água potável, coleta e tratamento de esgoto, manejo de resíduos sólidos e drenagem de águas pluviais, é algo crucial para o desenvolvimento socio-econômico de um país. No Brasil, a situação está muito distante do que seria considerado ideal. De acordo com dados recentes do estudo realizado pelo Instituto Trata Brasil quatro milhões de brasileiros não possuem banheiro em suas residências.

Leia mais »