saneamento basico

A adequação de efluentes industriais é uma questão emergencial: como lidar com esse desafio?

Adequação de efluentes industriais

Quando se trata do tratamento de efluentes, a eficácia dos sistemas de aeração por ar difuso desempenha um papel crucial. A BIOSIS, reconhecida como referência no segmento de revitalização de sistemas, destaca-se ao oferecer soluções inovadoras para a manutenção de equipamentos e peças, assegurando um desempenho eficiente e sustentável.

É importante ressaltar que o posicionamento social de diversas indústrias está diretamente ligado à maneira como os recursos hídricos utilizados na produção são devolvidos ao meio ambiente.

A BIOSIS, nesse contexto, desempenha um papel fundamental ao promover práticas que contribuem para a preservação e uso responsável desses recursos.

A aeração por ar difuso é a espinha dorsal de muitos processos de tratamento de efluentes, e a integridade de suas peças-chave é crucial para o sucesso operacional. A Biosis, reconhecendo a importância desse aspecto, oferece um conjunto abrangente de produtos de alta qualidade, desde difusores tubulares até conectores.

LEIA TAMBÉM: BioWasserTrack: Inovação na Remoção de Lodo em Estações de Tratamento de Água

Difusores Tubulares e Membranas para Difusores: Oxigenação Eficiente

Os difusores tubulares da BIOSIS, aliados às suas membranas de qualidade, proporcionam alta performance na dispersão uniforme do ar no meio líquido. Essa combinação assegura uma transferência de oxigênio eficiente, maximizando a capacidade de degradação de compostos orgânicos nos efluentes.

Colares de Tomada e Abraçadeiras de Inox: Conexões Sólidas para um Desempenho Estável

Os colares de tomada simples e duplo, juntamente com abraçadeiras de inox, desempenham um papel crucial na estabilidade estrutural e na conexão eficiente dos difusores. Esses componentes, disponibilizados pela BIOSIS, garantem um fluxo de ar sem obstáculos, contribuindo para um desempenho estável e eficaz.

Difusores Circulares: Precisão e Eficiência na Distribuição de Oxigênio

Os difusores circulares da BIOSIS são reconhecidos pela excelência em aeração. Projetados com precisão, esses componentes promovem uma distribuição uniforme do oxigênio no meio líquido. Sua estrutura robusta e inovadora contribui não apenas para o desempenho otimizado, mas também para a durabilidade excepcional em ambientes desafiadores.


Manutenção Inteligente para a Sustentabilidade

Ao escolher os produtos da BIOSIS, as empresas de tratamento de efluentes investem não apenas em componentes de alta qualidade, mas também em um futuro mais sustentável. A manutenção inteligente dessas peças essenciais não apenas assegura a eficiência operacional, mas contribui para a preservação ambiental e o atendimento às rigorosas normas regulatórias do setor.

Confira as principais peças sobressalentes para manter à mão quando o assunto é reparo de emergência 

Últimas Notícias:
Risco Ambiental Fármacos Esgoto

Avaliação de risco ambiental de fármacos e desreguladores endócrinos presentes no esgoto sanitário brasileiro

Este estudo investigou a ocorrência, remoção e impacto na biota aquática de 19 contaminantes de preocupação emergente (CEC) comumente reportados no esgoto brasileiro bruto e/ou tratado. Para 14 CEC (E1, E2, EE2, GEN, DCF, PCT, BPA, IBU, NPX, CAF, TMP, SMX, CIP, LEV), sua presença em esgoto tratado apresentou um alto risco ambiental em pelo menos 2 dos 6 cenários de diluição considerados.

Leia mais »
greenTalks Sustentabilidade de Embalagens

greenTalks entrevista Bruno Pereira, CEO da Ecopopuli, sobre sustentabilidade de embalagens

O segundo episódio da temporada 2024 do videocast greenTalks – uma iniciativa pioneira entre a green4T e NEO MONDO para discutir o papel fundamental da tecnologia na promoção de um futuro mais sustentável – tem como entrevistado especial Bruno Pereira, Especialista em Sustentabilidade Positiva, Líder do Comitê de Sustentabilidade da Associação Brasileira de Embalagem (ABRE) e CEO da Ecopopuli.

Leia mais »
Gestão Resíduos Sólidos Urbanos

Estudo aponta caminhos para a gestão de resíduos sólidos urbanos

Apenas a cidade de São Paulo produz cerca de 20 mil toneladas de resíduos sólidos urbanos (RSU) todos os dias, sendo 12 mil domiciliares e 8 mil da limpeza urbana, decorrentes de atividades de varrição, recolhimento de restos de feiras, podas e capinas. Considerando somente as 12 mil toneladas produzidas nas residências, isso dá uma média de aproximadamente 1 quilo de lixo por habitante ao dia.

Leia mais »