saneamento basico

Promotor suspeita de renovação de contrato entre Saneago e Goiânia

Audiência questiona motivos que levam Estado a desejar renovar concessão com Saneago

O promotor Fernando Krebs questionou em audiência pública realizada na Câmara Municipal de Goiânia nesta terça-feira, 01/03, as razões para que o Estado de Goiás tenha interesses em renovar agora a concessão de exploração dos serviços de saneamento em Goiânia e não em 2023, quando de fato encerra o contrato.

“Questiono a validade do contrato entre Saneago e Município, pois o contrato vence em 2023. Qual interesse em renová-lo se ainda está em vigor”, disse o promotor Krebs, que investiga irregularidades em concorrências da administração pública.

Temas como universalização dos serviços e a implantação do Plano Municipal de Saneamento também foram abordados pelos presentes que lotaram o auditório.

Djalma Araújo, Elias Vaz, Paulo da Farmácia, Tatiana Lemos, Geovani Antônio, Paulo Magalhães, Pedro Azulão Júnior e Denício Trindade foram alguns dos políticos que participaram da audiência.

Representantes da OAB, Ministério Público, Instituto Federal de Goiás (IFG), Stiueg, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Goiás (Crea) e Saneago também participaram dos debates, que basicamente procuraram entender o que a Saneago tem feito e quais motivos da tarifa ser uma das mais caras do país.

A audiência pública serviu ainda para trazer à tona o receio dos vereadores de Goiânia quanto à renovação. A maioria dos presentes entende que os goianienses têm custeado um valor alto para um serviço duvidoso e os serviços ainda podem ser privatizados.

Representantes da Saneago negaram que exista interesse do Governo de Goiás em privatizar a empresa.

No encontro, os debatedores citaram o caso de Cachoeira Dourada e da própria Celg, consideradas empresas sadias e que foram aos poucos tendo seu patrimônio dilapidado e por fim encaminhadas para a venda.

O caso Metrobus tem sido também relembrado. O Governo de Goiás já demonstrou interesse em passar para frente a Metrobus, deixando a exploração da linha Eixo Anhanguera aos representantes da iniciativa privada.

“A renovação envolve pontos polêmicos, pois a qualidade do serviço prestado pela Saneago deixa muito a desejar, sem falar no preço exorbitante da tarifa. Temos que agir com seriedade quando o assunto é saneamento, pois envolve a saúde das pessoas”, diz Djalma Araújo, um dos organizadores do encontro.


ELEIÇÕES

A privatização da Celg deve ser um dos temas das eleições de outubro. O debate sobre os serviços da empresa é hoje modulado para a possibilidade de que os mesmos gestores que orientaram a venda de Cachoeira Dourada e Celg queiram novamente vender um patrimônio público.

A tendência é de que os vereadores não devem aprovar o projeto como está. E mais: existe a possibilidade de que seja instalada Comissão Especial de Inquérito (CEI) para investigar a empresa de saneamento.

Fonte: Cada Minuto
Foto: Divulgação

Últimas Notícias:
Secagem Solar Lodo

Secagem Solar de Lodo

Na grande maioria das estações de tratamento de esgoto (ETEs), o lodo biológico é o resíduo sólido gerado em maior quantidade, sendo responsável por um dos maiores custos operacionais, devido principalmente aos serviços de transporte e destinação do material.

Leia mais »