saneamento basico
Sabesp Reserva Ações

Sabesp iniciou reserva de ações na 2ª feira (01)

Sabesp Reserva Ações

Começou na 2ª feira (1º.jul.2024) o período de reserva das ações da privatização da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo). Cerca de 17% da fatia à venda do governo paulista vai para essa parcela. O prazo está aberto até 15 de junho.

Pessoas jurídicas e físicas, como empregados e aposentados da Sabesp, poderão fazer pedidos de reserva de acordo com o prospecto preliminar com valores entre R$ 100,00 e R$ 1 milhão.

Também existe a opção de investir por meio de fundos de investimento em ações, os fundos FIA-Sabesp. Neste caso, o investimento em cotas do FIA-Sabesp pode ser feito com valores entre R$ 1,00 e R$ 1 milhão. Os pedidos de reserva poderão ser realizados por meio da corretora na qual o investidor não profissional é ou se torne cliente.

Nessa fase, os outros investidores podem sugerir o valor das ações e negociar com o investidor de referência. O vencedor será o investidor de referência que conseguir o maior preço ponderado considerando a sua oferta na 1ª etapa e do seu book.

LEIA TAMBÉM: ANA chama atenção para segurança de 229 barragens no país

Em 20 de junho, a secretaria de Parcerias de Investimento de São Paulo aprovou o último detalhe da oferta pública da Sabesp. Trata-se de um mecanismo chamado “right to match”. Ele determina que o investidor que tiver o menor preço ponderado ao final do bookbuilding, se tiver o maior valor do book, poderá igualar sua proposta à do concorrente e vencer a disputa.

Sabesp Reserva Ações

Espera-se que haja o fechamento do preço final da oferta pública no dia 18 de julho. Já no dia 22, deve haver a liquidação das ações e final do processo de venda.

O grupo Equatorial Participação e Investimentos venceu a 1ª etapa da venda de ações da Sabesp na última 6ª feira (28.jun). A empresa ofereceu R$ 6,9 bilhões por 15% de participação e se tornou acionista de referência da Companhia.

Ele será o player mais influente na nova composição da diretoria da Sabesp. O grande vencedor de um dos maiores processos de desestatização da história do país terá direito a 3 assentos no Conselho de Administração da companhia e será responsável pela indicação do presidente do conselho.

LEIA TAMBÉM: Copersucar e Geo anunciam parceria para desenvolver tecnologia no Brasil para produção de SAF a partir de biogás

Ao todo, o conselho terá 9 cadeiras. O governo de São Paulo e os acionistas minoritários que adquiriram ações da parcela de 17% terão direito a 3 assentos cada um.

A desestatização da Sabesp ainda impõe algumas restrições a indicações do governo estadual.

Na nova governança da companhia, ao menos 2 dos 3 indicados do Palácio dos Bandeirantes ao Conselho de Administração da empresa devem ter ao menos 5 anos de experiência no setor de utilidades.

Fonte: Poder 360.

Últimas Notícias: