saneamento basico
Macrodrenagem no Porto do Açu

Macrodrenagem leva águas pluviais até canal do Porto do Açu

Macrodrenagem no Porto do Açu

Fox Engenharia foi contratada pelo Consórcio Térmica do Açu para a elaboração de um projeto de macrodrenagem cujo objetivo era encaminhar as águas pluviais do site UTE GNA-I – Novo Tempo até o canal pertencente ao Porto do Açu, situado no município de São João da Barra, estado do Rio de Janeiro. Embora o projeto pareça relativamente simples à primeira vista, sua elaboração apresenta alta complexibilidade devido às distâncias, inclinações, volumes transportados e variações da maré que influenciam na operação do sistema.

Macrodrenagem é uma parte importante do sistema de drenagem de infraestrutura urbana que trata do gerenciamento e controle do escoamento de águas pluviais em grandes áreas geográficas, como cidades, bairros ou regiões inteiras.

O objetivo principal da macrodrenagem é conduzir os volumes e minimizar os impactos das chuvas intensas, prevenir inundações e proteger as áreas urbanas de danos causados por enchentes.

Para alcançar esses objetivos, são projetadas e implementadas infraestruturas como galerias, caixas de amortização, canais e sistemas de bombeamento.

Em conclusão o projeto de macrodrenagem foi desenvolvido para transportar uma vazão de projeto de 1,53m³/s para um período de retorno de 20 anos e 1,89m³/s para um nível de intensidade.

LEIA TAMBÉM: Governador/SP autoriza obras para ampliar oferta de água, saneamento e drenagem

Destaca-se que a vazão do sistema é capaz de transportar 1,89m³/s de água, o que representa um volume muito significativo.

Mas foram realizados estudos sobre os materiais de condução das águas em tubos PA e em PEAD, mas, devido ao alto nível do lençol freático presente na área, a solução principal foi a de utilização de tubos em concreto PA e o trecho final em PEAD com estruturas para assegurar que não flutuam e de forma a viabilizar o volume projetado com uma inclinação inferior ao tubo em concreto.

Após definir os volumes e velocidades de escoamento, ficou estabelecido que seriam utilizados dois tubos com diâmetro de 1,20 metros cada, juntamente com caixas de retenção e amortização em concreto armado.

Essas estruturas foram concebidas de forma a viabilizar a construção pré-moldada e modular, com dimensões entre 1,50 metros x 4,00 metros, 4,60 metros x 5,40 metros até sua caixa de interface de 6,60 metros x 2,10 metros.

Macrodrenagem no Porto do Açu

Em suma é importante frisar que as estruturas foram projetadas para que, durante o seu, não ocorram vazamentos pelas junções dos elementos e posteriores infiltrações no solo.

Contudo de maneira geral, o sistema é composto por inclinações variando de 0,0013 até 0,0006 metro/metro, com um encaminhamento de aproximadamente 610 metros lineares e uma variação de tábua de maré de 0,90 metros.

Além disso, o escoamento final prevê o transporte dos volumes pluviais oriundos da GNA-II. “O sucesso desse projeto vem da combinação entre a aplicação de conhecimentos técnicos apurados, práticas atuais e experiência em projetos desse tipo para superar sua alta complexibilidade e garantir sua eficácia.

Um bom projeto de macrodrenagem é crucial para proporcionar o escoamento adequado de águas pluviais em uma área com condições complexas.  A Fox Engenharia, com sua experiência em projetos técnicos dessa especialidade, conseguiu desenvolver uma solução integrada e eficiente para a demanda solicitada” , disse Bruno Teles da Fox Engenharia.

Fonte: Revista OE.

Últimas Notícias:
Membrana de nanofiltração

Avaliação de uma membrana de nanofiltração para a remoção de antibióticos da água: um estudo de caso com Sulfametoxazol, Norfloxacina e Tetraciclina

Nesse contexto, o presente estudo avalia a nanofiltração, uma tecnologia de membranas filtrantes, na remoção de três antibióticos largamente consumidos (Tetraciclina, Norfloxacina e Sulfametoxazol) da água. Foi empregada a membrana NF270 (DOW – FilmTec), uma membrana de poliamida com massa molecular de corte de 400 Da que foi avaliada em termos de produtividade e capacidade de remoção dos antibióticos.

Leia mais »