3 de junho de 2014

Compensações por uso da água de MT aumentam 18% e passam de R$ 5 milhões

Mato Grosso recebeu pouco mais de R$ 5,4 milhões em compensação financeira pela utilização de recursos hídricos para geração de energia elétrica, entre janeiro e maio. O novo balanço da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aponta aumento de 18,1% em relação ao mesmo período do ano passado, quando o valor transferido atingiu cerca de R$ 4,6 milhões. O incremento representou R$ 844 mil a mais nos cofres estaduais.

Leia mais »

Capacidade de geração de energia continuará abaixo da média

O Programa Mensal de Operação (PMO), divulgado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), prevê que a semana operativa que se encerrá no próximo dia 6 será marcada por afluências (capacidade de geração de energia elétrica) críticas, abaixo das médias históricas, nos subsistemas Sudeste/Centro-Oeste e Nordeste do país.

Leia mais »

EUA quer reduzir 30% das emissões na geração de energia

O governo Barack Obama anunciou na manhã desta segunda-feira uma das mais agressivas políticas de combate à mudança climática já adotadas no país, com medidas que buscam reduzir em 30% as emissões que contribuem para o aquecimento global das geradoras de energia até 2030, em relação aos patamares registrados em 2005.

Leia mais »

Sorocaba trata menos esgoto do que o divulgado

Sorocaba trata 81,8% do esgoto que gera, 14,2% a menos do que começou a divulgar há quase quatro anos, desde setembro de 2010, quando inaugurou a Estação de Tratamento de Esgoto S-2 (ETE S-2). De lá para cá, o município conquistou prêmios ambientais que também levaram em consideração o tratamento de esgoto. Agora o próprio Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) reconhece que trata 81% e não os 96% que divulgava até o ano passado.

Leia mais »